Entenda como é o processo de doação de embriões no Brasil

Dr. Carlyson Pimentel Moschen
Entenda como é o processo de doação de embriões no Brasil
5 (100%) 2 votoss

A doação de embriões é uma alternativa para casais em que a mulher ou o homem (ou ambos) seja infértil e também para pessoas que desejam ter um filho de forma independente.

No entanto, apesar da regulamentação e do crescimento da demanda para a realização do procedimento, o ato de doar e receber embriões ainda desperta muitas dúvidas e falta conhecimento sobre o assunto.

Por isso, neste artigo, explicamos melhor de que maneira é feita a doação de embriões no Brasil, o que estabelece o Conselho Federal de Medicina (CFM) e também como iniciar o processo. Se você quer saber mais sobre esse assunto, continue a leitura do post!

O que a resolução diz?

A Resolução CFM nº 2.168/2017 estabelece algumas normas para a doação de embriões no Brasil. As principais recomendações são:

De que forma é feita a doação de embriões?

Em procedimentos de reprodução humana, como a fertilização in vitro (FIV), é feita a fecundação de mais óvulos devido ao estímulo ovariano a fim de obtenção de embriões para posterior transferência embrionária. Quando o casal passa por um procedimento bem-sucedido logo no início, se houver embriões excedentes, estes permanecem criopreservados.

A Resolução CFM nº 2.168 do CFM prevê, entre outros pontos, que os embriões não podem ser descartados antes de 3 anos de sua fecundação. Desse modo, devem permanecer criopreservados. Uma alternativa para aqueles casais que não desejam mais manter os embriões criopreservados é realizar a doação para pessoas que, por motivos de saúde ou pela configuração familiar, optam por receber um embrião.

Porém, é importante ressaltar que existe a idade limite para a doação dos embriões baseado na idade do casal que se submeteu ao procedimento de FIV. A idade limite para a mulher é de 35 anos, enquanto a idade limite para os homens é de 50 anos. Dessa forma, apenas casais que estiverem dentro dessa idade quando realizaram o procedimento de FIV é que podem doar seus embriões.

Como iniciar o processo?

Caso o casal queira doar embriões resultantes do processo de FIV, é preciso manifestar seu interesse à clínica e estar ciente das normas propostas pelo CFM. Deverá passar pela avaliação de uma equipe multidisciplinar e, estando apto e concordando, deverá preencher a documentação para que esta doação ocorra.

Já a pessoa ou casal que deseja receber embriões doados e iniciar uma nova família deve conversar com um médico especialista em reprodução humana para entender melhor as condições do procedimento e escolher uma clínica especializada que lhe ofereça segurança. Há uma lista na qual esses casais deverão realizar o cadastro e aguardar a disponibilidade de embriões doados.

A doação de embriões pode ser uma opção válida para quem tem o sonho de ter um filho, mas que por algum motivo não consegue. Contudo, ela deve ser feita de forma responsável, segura e com auxílio de profissionais especializados.

Caso queira saber mais sobre este assunto, entre em contato conosco e tire suas dúvidas sobre reprodução humana.

Deixe um comentário

  Se inscrever  
Notificação de
Como funciona a fertilização para casal homoafetivo?
Como funciona a fertilização para casal homoafetivo?

Como funciona a fertilização para casal homoafetivo?Avalie essa postagem! O avanço da medicina — em específico das técnicas de reprodução assistida — permitiu que casais impossibilitados de ter filhos por meio dos métodos naturais pudessem ter filhos. Atualmente, a legislação brasileira permite que a técnica […]

Continue lendo...

Agende sua consulta online

Agendar agora

+55 (27) 3200-4818

+55 (27) 3299-0510

+55 (27) 98884-4818

@unifert

@clinica_unifert


Rua Dr. Freitas Lima, 100 – Centro de Vila Velha, Vila Velha – ES