Conheça os tratamentos para a infertilidade masculina

Dr. Irineu Iester Degasperi Conheça os tratamentos para a infertilidade masculina
Conheça os tratamentos para a infertilidade masculina
5 (100%) 1 votos

O sonho dos casais que desejam ter um filho pode ser dificultado por vários fatores: masculinos, femininos ou uma combinação de ambos. Em todos os casos, a procura de uma avaliação médica e a realização de exames específicos levará ao diagnóstico preciso e à indicação do melhor tratamento. Hoje existem possibilidades de tratamento para infertilidade masculina e feminina.

Apesar de por muito tempo a dificuldade para engravidar ter sido atribuída principalmente à mulher, atualmente, com as descobertas da medicina, foi constatado que cerca de 40% dos casos de infertilidade são por fatores masculinos, 40% por fatores femininos e 20% por ambos. Veja, neste post, as causas mais comuns das alterações que afetam os homens e os principais tratamentos disponíveis.

As causas mais comuns de infertilidade nos homens

A infertilidade masculina pode ser causada por diversos fatores. Para identificar a origem do problema, o médico deverá solicitar que o homem realize alguns exames específicos, entre eles o espermograma, o qual irá verificar se realmente há alteração na fertilidade mediante a análise dos espermatozoides e, em alguns casos, como complementação, poderá ser solicitado um dos testes de função espermática. Depois disso pode ser avaliada a melhor forma de tratamento. As causas mais frequentes são:

Baixa concentração de espermatozoides

A baixa concentração de espermatozoides é um dos principais pontos que interferem na fertilidade masculina, principalmente quando relacionado à baixa concentração de espermatozoides móveis e à baixa concentração de espermatozoides totais. Há ainda os casos de azoospermia, quando há ausência total de espermatozoides no ejaculado.

Espermatozoides anormais morfologicamente

Assim como a quantidade, a qualidade dos espermatozoides também é um fator relevante que interfere na fertilidade do homem. Alterações genéticas nos espermatozoides e o formato de sua cabeça, da sua peça intermediária e da sua cauda podem ser fatores de incapacidade de fertilização do óvulo. Além desses fatores, no espermograma é também possível verificar a vitalidade, o pH, a coloração, o volume, a presença de outras células e outros fatores que podem estar relacionados à infertilidade.

Varicocele

É definida pela dilatação das veias na região dos testículos, o que provoca o aumento da temperatura local e, por consequência, afeta a qualidade do sêmen e a produção dos espermatozoides.

É a principal causa de alteração seminal que leva à infertilidade, com incidência que pode chegar à 40% na população infértil. Deve-se levar em consideração que apenas 15% dos homens com varicocele apresentam alteração espermática que leva à infertilidade.

Infecções no sistema reprodutor

Os quadros infecciosos podem ser causados por Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) ou outras bactérias que atingem o aparelho reprodutor masculino. Nesses casos, as infecções podem obstruir os canais que transportam os espermatozoides até os testículos, reduzindo a quantidade de gametas presentes no sêmen e prejudicando a fertilidade masculina.

Problemas hormonais

Baixa produção de testosterona, níveis alterados de FSH e LH, uso de anabolizantes e distúrbios da tireoide são alguns dos problemas hormonais que podem ocasionar a infertilidade masculina. Para identificar essas alterações, é necessário fazer um exame de dosagem hormonal.

Outros fatores

O fator idade, assim como os fatores ambientais e comportamentais, como o uso de pesticidas, tabagismo, radiação, alimentação, e ainda o uso de medicamentos, como antidepressivos, quimioterápicos e hormônios, também podem comprometer a fertilidade masculina.

Não podemos deixar de informar que doenças sistêmicas, como diabetes mellitus, insuficiência renal e defeitos genéticos, tanto cromossômicos quanto gênicos, podem causar alterações significativas na qualidade seminal.

Os principais tratamentos para infertilidade masculina

Depois de realizados os exames para detectar as causas do problema, o médico e o paciente avaliam as possibilidades de tratamento. Veja abaixo algumas opções.

Fertilização in vitro

fertilização in vitro (FIV) é um procedimento de reprodução assistida que envolve o desenvolvimento de embriões em ambiente laboratorial. Trata-se de uma técnica indicada em diversos casos de infertilidade, na qual os óvulos e espermatozoides são coletados, colocados em uma placa de cultivo e mantidos em incubadora para que ocorra a fecundação e o desenvolvimento inicial do embrião.

Técnica de ICSI

A injeção intracitoplasmática de espermatozoides, ou ICSI, é um método diferente de fertilização em um ciclo de FIV. Existem dois métodos de FIV: o tradicional, descrito no tópico anterior, e ICSI.

Neste tipo de procedimento, o embriologista responsável, com o auxílio de um microscópio e com o uso do micromanipulador, injeta um espermatozoide dentro de cada óvulo. Todas as outras etapas são as mesmas da FIV tradicional. A ICSI é uma opção, com altas taxas de sucesso, indicado em diversas situações, sobretudo em casos de alterações seminais.

Cirurgia

Os procedimentos cirúrgicos envolvidos no tratamento da infertilidade masculina incluem cirurgia de varicocele e, em pacientes vasectomizados, a reversão da vasectomia. Nos quadros de azoospermia, pode ser realizado um procedimento para obtenção dos espermatozoides diretamente do testículo ou do epidídimo. Esses procedimentos são chamados PESA, MESATESE e Micro-TESE.

Para finalizar este post, ressaltamos a importância de procurar uma clínica especializada para fazer o devido acompanhamento médico, realizar os exames necessários e, diante do diagnóstico, escolher a melhor forma de tratamento para infertilidade masculina.

Se você ainda tem dúvidas sobre o tema que tratamos aqui, ou sobre qualquer outro assunto relacionado à infertilidade e tratamentos de reprodução humana, entre em contato com a Unifert para obter mais informações.

Deixe um comentário

  Se inscrever  
Notificação de
Como identificar a infertilidade masculina?
Como identificar a infertilidade masculina?

Como identificar a infertilidade masculina?Avalie essa postagem! Para ocorrer a gravidez é preciso que o óvulos e espermatozoides estejam disponíveis e em boa qualidade. Muitas vezes, nesse processo, o foco fica na mulher, sendo que o homem também tem as funções que precisam ser observadas. […]

Continue lendo...

Agende sua consulta online

Agendar agora

+55 (27) 3200-4818

+55 (27) 3299-0510

+55 (27) 98884-4818

@unifert

@clinica_unifert


Rua Dr. Freitas Lima, 100 – Centro de Vila Velha, Vila Velha – ES