Doação de Óvulos

A doação de óvulos, também chamada de ovodoação, é um programa disponível e cada vez mais requerido pelos casais que precisam do tratamento de fertilização in vitro (FIV) para alcançar a gravidez. Possui caráter anônimo e não comercial, como prevê a Resolução n. 2121 do Conselho Federal de Medicina (CFM). Portanto, o sigilo e anonimato são essenciais para que ocorra a doação de gametas, não sendo permitida a doação entre familiares. Para que o programa funcione, as normas propostas pelo CFM devem ser rigorosamente obedecidas pelas clínicas que a oferecem, principalmente por razões éticas:

Nos casos de ovodoação, tanto o casal doador quanto o casal receptor de óvulos deverão passar pelo processo de FIV para alcançar a gravidez. É muito importante enfatizar que, para que uma mulher seja doadora de óvulos, ela deve necessitar do tratamento de FIV para engravidar, ou seja, não é possível a doação apenas por desejo de ajudar uma outra pessoa.

O pareamento entre doadora e receptora tem base nas características étnicas, como raça, cor e tipo de cabelo, cor dos olhos e, principalmente, na compatibilidade entre a tipagem sanguínea da doadora e do casal receptor.

Quem pode ser doadora

Para que a paciente seja candidata à doação de óvulos, deverá se enquadrar nos critérios: idade inferior a 35 anos, necessitar do tratamento de FIV para engravidar, ter saúde plena sem nenhum antecedente hereditário pessoal ou familiar que possa ser transmitido ao descendente, realizar todos os exames ginecológicos e laboratoriais solicitados e ter a quantidade mínima de óvulos após coleta oocitária para serem doados.

É característica da paciente doadora de óvulos uma boa reserva ovariana, porém, em contrapartida, possuem causas de infertilidade como obstrução tubária e/ou fator masculino (alteração espermática).

Indicações para a recepção de óvulos

O casal candidato à recepção de óvulos passa inicialmente por detalhada consulta em que são avaliados antecedentes pessoais e familiares, e durante a qual também recebem orientações quanto à funcionalidade do programa, à obrigatoriedade do anonimato, às taxas de sucesso e os eventuais efeitos adversos.

Como é feita a ovodoação

A doadora de óvulos é submetida à estimulação ovariana e indução da ovulação como descrito no processo de FIV: o médico prescreve por cerca de 10 dias o hormônio foliculoestimulante (FSH) para estimular os ovários a produzirem um número maior de folículos e, consequentemente, de óvulos viáveis à fecundação. O crescimento dos folículos é acompanhado pelo médico por meio de ultrassonografias em série, realizadas geralmente a cada dois dias, até que os folículos consigam atingir tamanho ideal para maturação. Nesse estágio, o médico administra o hormônio gonadotrofina coriônica humana (hCG), responsável pela maturação dos óvulos. Do momento da aplicação do hormônio até a coleta dos óvulos se passam em torno de 34 a 36 horas. Na sequência, em até 36 horas da aplicação do hCG, o médico realizará a punção folicular em centro cirúrgico, procedimento realizado na mulher sob anestesia. A punção é um procedimento relativamente simples, que consiste na aspiração do líquido folicular e consequentemente do óvulo, por meio de uma fina agulha. O processo leva em torno de 15 minutos para ser finalizado. O líquido folicular aspirado é encaminhado ao laboratório de FIV e analisado para separação dos óvulos por meio do uso da microscopia.

O número mínimo de óvulos maduros para doação deverá ter sido obtido, ocorrendo então a divisão entre doadora e receptora. A partir de então, dá-se seguimento ao tratamento de FIV com a amostra de sêmen dos respectivos companheiros. Ler mais sobre FIV.

Resultados da ovodoação

É importante lembrar que com a doação de óvulos, as chances de alcançar a gravidez para uma paciente receptora são as mesmas de uma paciente doadora, em torno de 50%, uma vez que deve ser levado em consideração a idade do óvulo e não da paciente que está recebendo.

A doação de óvulos é um ato que envolve muita generosidade e este ato de bondade possibilita que muitos casais consigam atingir seu sonho de alcançar uma gravidez.

Últimas postagens do blog
Dia Mundial da Diabetes

Dia Nacional da Prevenção da Obesidade

Câncer e a fertilidade feminina

Assine Nossa Newsletter

E receba gratuitamente conteúdos exclusivos diretamente em seu e-mail!

Agende sua consulta online

Agendar agora

+55 (27) 3200-4818

+55 (27) 98884-4818

@unifert

@clinica_unifert


Rua Dr. Freitas Lima, 100 – Centro de Vila Velha, Vila Velha – ES