Endometriose e a Infertilidade

admin Endometriose e a Infertilidade
Endometriose e a Infertilidade
Avalie essa postagem!

O que é a endometriose?

A endometriose é uma doença inflamatória crônica. A teoria mais aceita é que ela seja ocasionada por tecido endometrial que deveria ser eliminado na menstruação, porém ocorre um refluxo retrógrado e essas células se instalam nos ovários ou na cavidade abdominal e pélvica.

Principais sintomas:

Além de cólicas intensas no período menstrual, a mulher pode apresentar dor durante o ato sexual, incômodo ao urinar e/ou evacuar durante o período menstrual. Vale ressaltar que não são todas as mulheres que possuem os sintomas e que os mesmos não estão ligados diretamente à gravidade da doença.

Diagnóstico e Tratamento:

A doença é identificada  por meio de exames ginecológicos, como:  

Ao ser diagnosticada, o tratamento deve ser individualizado de acordo com o quadro de cada paciente, que pode ser desde o estágio inicial até graus mais avançados. Existem algumas abordagens, como interromper a menstruação através de medicamentos, caso não haja o interesse em engravidar. Se houver o interesse, pode-se verificar a viabilidade de cirurgias, indução de ovulação ou mesmo Fertilização In Vitro.

O direcionamento deve ser realizado por um médico especialista que irá analisar o histórico do casal, suas necessidades e a eficácia dos tratamentos para cada mulher.  

Qual a relação da endometriose com a infertilidade?

De acordo com o site Folha Vitória, cerca de 25% a 50% das mulheres com infertilidade, também possuem endometriose. Essa anomalia pode atrapalhar o processo de fecundação, nos casos em que há uma distorção anatômica das trompas ou prejuízo nos movimentos ciliares, além de interferir na qualidade dos óvulos e do endométrio, aumentando assim as taxas de aborto espontâneo.

Vale ressaltar que, quando a doença está em seu estágio inicial, não há uma grande interferência no processo reprodutivo. Já em estágios mais graves, é extremamente prejudicial à fertilidade, sendo muitas vezes necessário a ajuda da medicina reprodutiva, por meio da Inseminação Artificial (IA) ou Fertilização in Vitro (FIV).

Caso identifique algum desses sintomas, procure seu médico, para verificar e  identificar o melhor tratamento.

Deixe um comentário

  Se inscrever  
Notificação de

Avalie essa postagem! Você já ouviu falar em fragmentação do DNA espermático? A análise da fragmentação do DNA do esperma é um teste amplo e complementar ao espermograma, a fim de determinar o dano específico sobre a estrutura e a integridade da fita de DNA […]

Continue lendo...

Agende sua consulta online

Agendar agora

+55 (27) 3200-4818

+55 (27) 3299-0510

+55 (27) 98884-4818

@unifert

@clinica_unifert


Rua Dr. Freitas Lima, 100 – Centro de Vila Velha, Vila Velha – ES